A importância da relação pais-treinadores no futebol formação

A importância da relação pais-treinadores no futebol formação

Achava que seria mais simples do que realmente foi e está a ser.

Sempre me recomendaram em “manter a distância” e a ideia que defendo é exatamente a oposta. Se eles me estão a confiar os filhos deles, eles têm de saber quem eu sou e aquilo que penso. Afinal, o meu trabalho, seja mau ou bom, terá influência a todos os níveis nos filhos que não são meus.

Um treinador educa. E como a educação começa e acaba todos os dias em casa, se houver algum conflito entre o treinador e os pais, dificilmente a criança conseguirá ficar indiferente a isso. E, como agravante, a criança não tem o discernimento do certo e do errado, o que fará prevalecer em quase cem por cento das situações, a ideia dos pais, mesmo que essa não seja a mais correta.

Pode não se refletir diretamente no comportamento social, mas sim na própria aprendizagem. A predisposição para aprendermos com alguém que admiramos e respeitamos é diferente da de alguém sobre quem ouvimos os nossos pais dizer mal.

Uma boa relação com os pais vai fortalecer ideias comuns, desenvolver ligações e, consequentemente, respeito entre todos. E com isso, os pais poderão exigir dos treinadores determinados comportamentos e os treinadores também poderão exigir dos pais. Sem nunca interferirem nas decisões um do outro espera-se uma interação com objetivos comuns: O bem-estar e a felicidade das crianças.

Um ambiente saudável e sem conflitos será uma ferramenta fundamental para uma aprendizagem com sucesso. Cabe a cada treinador definir os limites que ache adequados para a criação desse ambiente. Mas essa decisão dificilmente será o distanciamento total daqueles que são as peças mais importantes na vida das crianças que estão a treinar.

Partilhar:

Sobre Ana Teixeira

Ana  Teixeira

Apaixonada pelo jogo e pela inteligência de quem o pratica. Intensidade, intensidade a todos os níveis. Valorizo muito a capacidade psicológica num jogador, e consequentemente numa equipa. Ideias em construção, mas princípios definidos. Gosto de pensar e fazer pensar. Muita ambição de querer chegar a patamares nunca antes alcançados por uma mulher. Muita vontade de aprender...

  • E-mail

Comentários

Filtrar Artigos

O que se passa hoje?